Pages

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

À Frente da Morte

Não olvides que, além da morte, continua vivendo e lutando o Espírito amado que partiu ...
Tuas lágrimas são gotas de fel em sua taça de esperança.
Tuas aflições são espinhos a se lhe implantarem no coração.
Tua mágoa destrutiva é como neve de angústia a congelar-lhe os sonhos.
Tua tristeza inerte é sombra a escurecer-lhe a nova senda.
Por mais que a separação te lacere a alma sensível, levanta-te e segue para a frente, honrando-lhe a confiança, com a fiel execução das tarefas que o mundo te reservou.
Não vale a deserção do sofrimento, porque a fuga é sempre a dilatação do labirinto em que nos arroja a invigilância, compelindo-nos a despender longo tempo na recuperação do rumo certo.
Recorda que a lei de renovação atinge a todos e ajuda quem te antecedeu na grande viagem, com o valor de tua renúncia e com a fortaleza de tua fé; sem esmorecer· no trabalho - nosso invariável caminho para o triunfo.
Converte a dor em lição e a saudade em consolo, porque, de outros domínios vibratórios, as afeições inesquecíveis te acompanham os passos, regozijando-se com as tuas vitórias solitárias, portas a dentro de teu mundo interior.
Todas as provas objetivam o aperfeiçoamento do aprendiz e, por enquanto, não passamos de meros aprendizes na Terra, amealhando conhecimento e virtude, em gradativa e laboriosa ascensão para a vida eterna.
Deus, a Suprema Sabedoria e a Suprema Bondade, não criaria a inteligência e o amor, a beleza e a vida, para arremessá-los às trevas.
Repara em torno dos próprios passos.
A cada noite no mundo segue-se o esplendor do alvorecer.
O Inverno áspero é sucedido pela Primavera estuante de renascimento e floração.
A lagarta, que hoje se arrasta no solo, amanhã librará em pleno espaço com asas multicolores de borboleta.
Nada perece.
Tudo se transforma na direção do Infinito Bom. Compreendendo, assim, a Verdade, entesourando-lhe as bênçãos, aprendamos a encontrar na morte o grande portal da vida e estaremos incorporando, em nosso próprio espírito, a luz inextinguível da gloriosa IMORTALIDADE.

Emmanuel - Escrínio de Luz

8 comentários:

LISON disse...

Saudações!
Amigo Janilton,
Que Post Fantástico!
Quero lhe parabenizar por tão sublime e profunda mensagem... É muita sabedoria reunida num só espaço.
Para resumir elejo o último parágrafo, “Tudo se transforma na direção do Infinito Bom. Compreendendo, assim, a Verdade, entesourando-lhe as bênçãos, aprendamos a encontrar na morte o grande portal da vida e estaremos incorporando, em nosso próprio espírito, a luz inextinguível da gloriosa IMORTALIDADE”.
Parabéns pela belíssima mensagem!
Abraços fraternos,
LISON.

Victor S. Gomez disse...

parabéns pelo post e obrigado por seu comentário. Abraços

Wanderley Elian Lima disse...

Se pensarmos que a morte é o fim de tudo, perdemos uma grande oportunidade de aprimorar o nosso espírito.

Claudine Ribeiro G. Netto disse...

Olá amigo Janilton, excelente postagem. A morte é o renascimento para outra vida. O que plantarmos nesta vida, se não colhermos aqui, colheremos lá.

Um abraço.

vovolili disse...

Olá amigo Janilton.

Parabéns pelo post.
A música é maravilhosa.
Fraterno abraço,
Lilian

S. Levy Lima disse...

está um espectáculo.

Janilton, já viu a sua prenda de natal do meu blog?
se não viu, veja.

abçs poeta.

Joselito disse...

Sempre existe alguma coisa onde muitos acreditam ser o fim ...

Sissym disse...

Ontem Janilton, a morte esteve a segundos de mim, talvez eu não estive lado-a-lado por ter resolvido comprar paezinhos na padaria. Ao voltar, vi um rapazinho de 22 anos agonizando na minha frente. Tomou uma bala na cabeça por causa de um celular. Hoje as operadoras dão de graça! Eu fiquei arrasada. Eu tenho idade e poderia ser mãe dele. A minha filha passa ali todo dia para ir para escola. Eu só me senti melhor quando, hoje, domingo, fui no hospital e abracei a mãe dele. Eu chorei na noite anterior sem parar, os amigos do dihitt tentaram me consolar.

A unica coisa hoje bonita que eu vi e me alegrou foi seu post da Noviça Rebelde, ele me fez sorrir e esquecer a dor.

E voce não entendeu nada...

Eu pedi gentilmente a vc para que visse o que eu escrevi, pq sempre achei vc uma pessoa de fé. E eu queria que pessoas de fé rezassem pelo rapaz. Eu desejo ve-lo bem de novo. Ele é filho unico... assim como minha filha.

E olha o que vc escreve aqui, mais um belo post. Seu blog é lindo mesmo e o conteudo é maravilhoso.

Jamais fiz desdem de ninguem, porque eu não sou nada neste mundo a não ser um grão de areia.

Saudações